BEM VINDO A TODOS!

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

O EXEMPLO PESSOAL NA EDUCAÇÃO DOS FILHOS







Professora, Josina Paulino




Lição nº 6

O EXEMPLO PESSOAL NA EDUCAÇÃO DOS FILHOS




Texto Áureo:

“O justo anda na sua sinceridade; bem-aventurados serão os seus filhos depois dele”.
Pv 20.7


Verdade Prática:

A melhor forma de se educar um filho é através do exemplo, pois as palavras passam, mas o exemplo permanece.


Leitura Bíblica em Classe: Provérbios 4.1-9



INTRODUÇÃO: - Qual a função dos pais? Em todo o tempo é amar, educar e proteger mas isto só é possível se estivermos em Cristo pois este propósito vem de Deus e quem o opera em nós é o Espírito Santo.





I.              POR QUE TER FILHOS? – Gn 1.28

a)           Porque é o que Deus espera de nós;
b)           Porque foi uma ordem dada no Éden;
c)            É a maneira de se povoar a Terra;
d)           É a maneira de povoar o Reino de Deus – Gn 18.19; 1Tm 2.15

Este objetivo por causa do pecado e da influência de Satanás encontra-se deturpado, desvalorizado e desobedecido pelos homens.

    Hoje os filhos:

a)           Representam um fardo, um peso mediante a separação dos pais;

b)           Representam algo que se dá para alguém como um presente;

c)            Representa uma moeda de troca para obtenção de benefícios;

d)           Apenas mais uma pessoa no mundo.


 



Porém diante de Deus, filhos são:


a)    O fruto da semente do homem e da mulher. Gn 1.28; e antes de nascerem já têm a serpente como inimiga. Gn 3.15;

b)           Herança do Senhor – Sl 127.3

c)            Poder de defesa para os pais na adversidade – Sl 127. 3 - 4


II.            A IMPORTÂNCIA DOS LIMITES




Deus deu ao homem poder e autoridade para dominar sobre a natureza e a criação e, isto inclui nossos filhos. Sl 8.6. Porém como fazer?


a)  Satisfazendo necessidades e não desejos. Desejos ou vontades são passageiros e embora sejam agradáveis não são prioridades. Necessidades como o nome mesmo já diz, preenchem o nosso ser e são imprescindíveis para a nossa sobrevivência e crescimento em todas as áreas da nossa vida. Esta não é uma tarefa fácil, ao contrário é árdua e difícil e só poderá ser realizada a contento através de Deus em nós, pois requer como base a Palavra de Deus com seus sábios conselhos e a prática de um amor incondicional. Pv 4. 1-2; Pv 13.24; 1 Co 13


b)      Sendo presente na vida dos filhos em todo o tempo, principalmente com amor e compreensão (outra tarefa árdua), pois implica em conhecer a si mesmo e seus próprios limites, identificar os limites dos filhos, ajudá-los a se desenvolverem sem sufocá-los ou levá-los à ira.


 


III.         ENSINANDO ATRAVÉS DO EXEMPLO E DOS VALORES Pv 4. 4-7; Dt 11. 18-21

a)           Estamos em tempos difíceis e trabalhosos. Sl 11.3, mas o nosso exemplo, em Cristo, oferece resistência. 1 Ts 2.7

b)          Moldando o caráter e cuidando da personalidade dos nossos filhos. Temos exemplo para isto? Podemos dizer “olhe para mim?” ou “sede meus imitadores como sou de Cristo?” Pv 22.6


IV.           O QUE É EDUCAÇÃO INTEGRAL?Êx 9. 8-9; Pv 4. 7-9


O ser humano tem necessidades básicas em cinco áreas da sua vida, as quais devem ser atentamente observadas e cuidadas. São: área física, área mental (ou psíquica), área emocional (ou psicológica), área social e área espiritual. Os pais devem se preocupar em observar estes aspectos nos filhos e ao menor sinal de alarme procurar ajuda para evitar danos irreversíveis. Lembre-se: PREVENIR É O MELHOR REMÉDIO. A integralidade e harmonia destas áreas na vida humana resultam em vida e vida em abundância.


 



CONCLUSÃO:  Há muitos livros do tipo “como criar filhos” mas, se quisermos nos tornar pais que se relacionam bem com os filhos, da maneira correta, exercendo autoridade sem tirania e disciplinando de maneira eficiente, então precisamos de sabedoria, inspiração e amor sobrenaturais. O nosso relacionamento com Deus determinará a qualidade do nosso relacionamento com nossos filhos.  Ed. Young




                                           Josina Paulino Gonçalves de Araújo
                               Professora da EBD e do IBD em Cordovil